Após um difícil 2019, o Corumbaense recuou “alguns passos” como afirmou o Diretor Luiz Bosco em entrevista a TV FFMS e vai apostar no que deu certo em dois clubes para novamente ser protagonista no estado.

Após afirmar que o clube só teria condições de disputa com ajuda de empresários devido aos problemas financeiros do ano passado, o carijó da avenida levou Sandro Muzzi e Marcelo Ricardo para comandar o futebol.

Com eles, chegaram jogadores conhecidos do futebol do estado e que tiveram sucesso no Comercial de 2015 e Novoperário em 2017. O colorado foi campeão e o verdão vice.

Gelson, Ramer, Jéferson Paulista, Robinho, Léo Colman, Danilo Bahia, Lucas Kattah, Hélder, Juninho Corumbá entre outros, são velhos conhecidos do futebol da capital e sul-mato-grossense.

Diferentemente da equipe de 2019 comandada por Zé Humberto e que caiu nas quartas de final diante do Comercial, o investimento é bem mais modesto.

A grande novidade estará no banco de reservas. Samuel Cândido(58) terá seu primeiro trabalho no estado. Ele trabalhou em vários clubes do Pará e do nordeste. Tem várias conquistas na base e em divisões de acesso.

Em 2019 comandou três clubes. No Paragominas, não conseguiu chegar ao mata-mata do Estadual e depois foi para o Bragantino-PA onde eliminou ASA e Aparecidente na Copa do Brasil.

Acabou sendo eliminado diante do Vila Nova e na segunda fase do Estadual, ficou na 3ª colocação após bater o Paysandu nos pênaltis. Permanceu até a 2ª rodada da Série D em maio.

Em outubro, assumiu a Tuna Luso na Série B Paraense precisando vencer o Cametá para avançar mas o empate por 2 a 2 eliminou o clube ainda na 1ª fase e o tradicional clube seguirá mais uma temporada fora da elite.

Samuel tentará entrar para a história do clube. Nunca um treinador de fora conquistou título pelo Corumbaense. Nos dois títulos do carijó, eram técnicos do estado. Da Silva em 1984 e Douglas Ricardo em 2017. O carijó foi vice em 1987 e 2018.

O Corumbaense jogará no estádio Arthur Marinho e a estreia será dia 26 contra o Maracaju com transmissão da TV Morena. O carijó pega o Comercial dia 29 de fevereiro em casa e o Operário dia 04 de março na capital.


Mais Notícias...